pronuncio
Não existe palavras específica, nem poesia com tom doce. Os sintomas do amor é constuído por cada afeto, quando a batida do coração pulsa em teu chamado. O amor é puro, não tem canções exatadas para defini-lo. É como morrer de saudade, por não te ter 24 horas ao lado, mas te sentir viva em mim. Erguer as mãos e sentir as suas tocar o meu corpo. É amar sem medo, sem desespero, sem cobranças, sem a tal linha da promessa. Na frente do espelho, o socorro do choro batendo nos olhos, olho o teu sorriso no fundo do visor secando cada gota de lágrimas. Não é fácil concluir em palavras esse sentimento. Eu vivo em gritos, a dor da solidão quer permanecer em mim, a dor da saudade insiste tocar meu coração, na vontade de faze-lo parar de bater. Mas o amor é forte, nenhum sentimento tosco o quebra, não tem dor que possa passar por cima do amor. O amor é tudo quando é verdadeiro.
Pablo Henrique Dantas (via pronuncio)
oxigenio-dapalavra
Persiga um sonho, mas não deixe ele viver sozinho. Descubra-se todos os dias, deixe-se levar pelas vontades, mas não enlouqueça por elas. Procure, sempre procure o fim de uma história, seja ela qual for. Dê um sorriso para quem esqueceu como se faz isso. Acelere seus pensamentos, mas não permita que eles te consumam. Olhe para o lado, alguém precisa de você. Abasteça seu coração de fé, não a perca nunca. Mergulhe de cabeça nos seus desejos e satisfaça-os. Procure os seus caminhos, mas não magoe ninguém nessa procura. Arrependa-se, volte atrás, peça perdão! Não se acostume com o que não o faz feliz, revolte-se quando julgar necessário. Alague seu coração de esperanças, mas não deixe que ele se afogue nelas. Se achar que precisa voltar, volte! Se perceber que precisa seguir, siga! Se estiver tudo errado, comece novamente. Se estiver tudo certo, continue. Se sentir saudades, mate-a. Se perder um amor, não se perca! Se achá-lo, segure-o!
Fernando Pessoa (via oxigenio-dapalavra)

@Viivi3869